1775

Prefeitura Municipal de Mata de São João

Pular para o conteúdo

Prefeitura adquire testes que identificam presença ativa do Covid-19

Fonte: Ascom
06/05/2020 às 21h57

Noticia

Galeria com imagens e vídeos sobre a matéria


Através da Secretaria de Saúde, a Prefeitura de Mata de São João realizou a compra de 500 testes para a identificação do Covid-19. O RT PCR, como é chamado, indica a presença ativa do vírus, podendo fechar o diagnóstico do paciente. Os testes são do mesmo tipo do Laboratório Central (LACEN), que realiza o diagnóstico para o município atendendo-se ao público elegível pelo Ministério da Saúde (gestantes, profissionais de saúde, etc.). Porém, agora o processo de identificação será mais rápido, sendo realizado pela própria equipe da Vigilância Epidemiológica e Hospital Eurico Goulart de Freitas.

De acordo com a secretária de Saúde, Tatiane Rebouças, a medida tem o objetivo de racionalizar a utilização de testes e evitar o seu desabastecimento. “O objetivo é usar o recurso nos casos monitorados, que não são contemplados com o protocolo Secretaria de Saúde da Bahia (SESAB), inclusive para identificação de contaminação comunitária, quando for o caso”, diz Tatiane.

Os testes devem ser coletados após o terceiro e décimo quinto dia de apresentação dos sintomas. A coleta realizada é orofaringe (garganta e nariz), e então o vírus é colocado em um meio de cultura para que seja feita a identificação real do mesmo. No primeiro momento, serão testados todos os casos notificados de Coronavírus que não fazem parte do público-alvo estabelecido pelo Ministério da Saúde.

A coordenadora de Vigilância Epidemiológica de Mata de São João, Fátima Grande, explica que o teste dá vantagem ao município, pois garante a cobertura nas testagens de todos os casos notificados a partir de agora. “Essa aquisição nos mostra vantagem, pois nos testes que realizamos pelo Laboratório Central, precisamos atender aos critérios do Ministério da Saúde, e com essa aquisição testaremos todos os casos notificados pelo município, nos direcionando melhor às localizações dos casos positivos bem como fechamento de diagnóstico para COVID-19”, conta Fátima.