1775

Prefeitura Municipal de Mata de São João

Pular para o conteúdo

Programas

Nesta seção o cidadão encontra à implementação, acompanhamento e resultados dos programas, projetos e ações dos órgãos e entidades públicas, bem como metas e indicadores propostos

Utilize o(s) campo(s) abaixo para pesquisar

Foram encontrados 26 resultados para a pesquisa.

AÇÃO OUTUBRO ROSA

Responsável: SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE

Metas: Outubro Rosa é uma campanha de conscientização que tem como objetivo principal alertar as mulheres e a sociedade sobre a importância da prevenção e do diagnóstico precoce do câncer de mama. O objetivo dessa ação é divulgar, de modo simples e verdadeiro, todas as contribuições de vários segmentos da sociedade em relação a esta ação mundial, que embeleza com seu tom rosa, nas mais diversas instituições, monumentos e locais históricos, no sentido de nos mostrar, de modo belo e feminino, a importância da luta contra o câncer que mais mata mulheres em todo o mundo.

Indicadores: Atenção a Saúde da mulher, numero de atendimentos voltados à mulher.

Resultados: Palestras, exame de citologia, autoexame das mamas, sorteio de prêmios, exame de mamografia. São 03 anos de Projeto, onde alcançamos um público feminino grande e é bastante positivo por se tratar de um assunto tão sério e abordado de uma forma simples e impactante. No Brasil, as taxas de mortalidade por câncer de mama continuam elevadas, muito provavelmente porque a doença ainda é diagnosticada em estádios avançados. Na população mundial, a sobrevida média após cinco anos é de 61%.

AÇÃO NOVEMBRO AZUL

Responsável: SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE

Metas: Após o Outubro Rosa, uma campanha destinada à prevenção do câncer de mama, o Novembro Azul alerta para a conscientização do câncer de próstata. O câncer de próstata atinge grande parte da população masculina e, mesmo assim, ainda é um tema que enfrenta muitas barreiras. Quase 50% dos brasileiros nunca foram ao urologista e, em 2014, a projeção é de que 12 mil vão morrer da doença em função da descoberta em estágio avançado. Para quebrar o preconceito existente, o objetivo é conscientizar sobre a importância da realização dos exames periódicos relacionados ao câncer de próstata, que é o segundo mais recorrente em brasileiros, perdendo apenas para o câncer de pele.

Indicadores: Atenção a Saúde do homem, numero de atendimentos voltados ao homem.

Resultados: A conscientização dirigida à sociedade, em especial aos homens, com o objetivo de orientar sobre as doenças masculinas em geral e a importância de se diagnosticar precocemente o câncer de próstata.

PROGRAMA DE MELHORIA DO ACESSO E DA QUALIDADE

Responsável: SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE

Metas: O PMAQ-AB tem como objetivo incentivar os gestores e as equipes a melhorar a qualidade dos serviços de saúde oferecidos aos cidadãos do território. Para isso, propõe um conjunto de estratégias de qualificação, acompanhamento e avaliação do trabalho das equipes de saúde.

Indicadores: Melhorias nos serviços de saúde pública nas Unidades.

Resultados: Melhoria do acesso e da qualidade dos serviços realizados pelas Unidades de Atenção Básica do Município, incluindo as equipes de Saúde Bucal, Núcleos de Apoio à Saúde da Família e Centros de Especialidades Odontológicas.

Informações Adicionais: O programa eleva o repasse de recursos do incentivo federal para os municípios participantes que atingirem melhora no padrão de qualidade no atendimento. O programa foi lançado em 2011 e agora, em 2015, inicia seu 3º ciclo com a participação de todas as equipes de saúde da Atenção Básica (Saúde da Família e Parametrizada), incluindo as equipes de Saúde Bucal, Núcleos de Apoio à Saúde da Família e Centros de Especialidades Odontológicas que se encontrem em conformidade com a PNAB.

PROGRAMA SAÚDE NA ESCOLA

Responsável: SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE

Metas: O programa inclui ações de promoção da saúde, prevenção, recuperação, reabilitação de doenças e agravos mais freqüentes.

Indicadores: Número de escolares atendidos resposta a questionário de avaliação.

Resultados: O Programa Saúde na Escola (PSE) visa à integração e articulação permanente da educação e da saúde, proporcionando melhoria da qualidade de vida da população brasileira.

Informações Adicionais: O público beneficiário do PSE são os estudantes da Educação Básica, gestores e profissionais de educação e saúde, comunidade escolar e, de forma mais amplificada, estudantes da Rede Federal de Educação Profissional e Tecnológica e da Educação de Jovens e Adultos (EJA). As atividades de educação e saúde do PSE ocorrerão nos Territórios definidos segundo a área de abrangência da Estratégia Saúde da Família (Ministério da Saúde), tornando possível o exercício de criação de núcleos e ligações entre os equipamentos públicos da saúde e da educação (escolas, centros de saúde, áreas de lazer como praças e ginásios esportivos, etc). No PSE a criação dos Territórios locais é elaborada a partir das estratégias firmadas entre a escola, a partir de seu projeto político-pedagógico e a unidade básica de saúde. O planejamento destas ações do PSE considera: o contexto escolar e social, o diagnóstico local em saúde do escolar e a capacidade operativa em saúde do escolar.

PROGRAMA DE TESTE RÁPIDO DE GRAVIDEZ

Responsável: SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE

Metas: A oferta do TRG apresenta-se não apenas como insumo, mas como dispositivo que oportuniza o diálogo sobre a saúde sexual e a saúde reprodutiva, com identificação de fatores de risco à saúde e intervenções em tempo oportuno.

Indicadores: Atendimentos Saúde Sexual e Saúde Reprodutiva.

Resultados: Possibilita a melhoria do acesso à Atenção Básica para atender as mulheres adultas, as jovens e as adolescentes em fase reprodutiva e suas parcerias, informando e acolhendo os diversos significados que a reprodução pode ter para cada pessoa, em diferentes momentos da vida.

Informações Adicionais: A Rede Cegonha (RC) foi lançada em 2011 pelo governo federal e consiste em uma rede de cuidados que visa a assegurar às mulheres e crianças o direito à atenção humanizada durante o pré-natal, parto/nascimento, puerpério, abortamento, planejamento reprodutivo e atenção infantil em todos os serviços do Sistema Único de Saúde (SUS). O objetivo da implantação dessa tecnologia é oferecer o acesso à detecção precoce da gestação, com acolhimento da equipe de Atenção Básica (AB) e orientações baseadas nas necessidades singulares de cada usuária. Desta forma, as ações da equipe de Atenção Básica em Saúde Sexual e Saúde Reprodutiva serão ampliadas, possibilitando: ? A detecção precoce da gravidez para início do pré-natal em tempo oportuno. ? A identificação de situações oportunas para uso de anticoncepção de emergência: relação desprotegida, ocorrida em até cinco dias, em situação de gravidez indesejada; ocorrência de violência sexual. ? A orientação para planejamento reprodutivo. ? O acolhimento e o atendimento de mulheres adultas, jovens e adolescentes e casais em situação de gravidez indesejada. ? A identificação e o atendimento de mulheres adultas, jovens e adolescentes em situação de violência sexual. ? A detecção de situações de risco para gravidez indesejada. ? A orientação para mulheres e casais com dificuldades conceptivas. ? A identificação de situações de exposição ao risco de infecção por doenças sexualmente transmissíveis (DST), HIV e hepatites virais com oferta dos testes rápidos para a mulher e parceria sexual.



Total de 5 registros por página